segunda-feira, 27 de junho de 2011

ALERTA: DONA MARTA QUER MUDAR O NOME E O NÚMERO PARA VER SE PASSA

Marta Suplicy(cio), tu pensa que me engana?


Portal Terra:
Marta Suplicy: nome e nº de projeto contra homofobia podem mudar (com comentários do blogueiro)

A senadora Marta Suplicy disse neste domingo, antes do início da Parada do Orgulho LGBT (Lésbicas, Gays, Bissexuais, Travestis e Transexuais) em São Paulo, que algumas mudanças devem ser feitas no Projeto de Lei (PL) 122, que criminaliza a homofobia. Segundo ela, a ideia é repensar o nome do projeto para fazer com que seu conteúdo seja aprovado. (Lá vem o golpe!)

"Estou tentando fazer um acerto para que não tenhamos tantos opositores ao projeto, mesmo que isso acarrete em algumas mudanças que não são boas. Estamos pensando em como fazer passar o conteúdo do PL 122, sem o número 122", disse. (Peraí...!!! "Mudanças que não são boas"??? Para quem??? Para toda a nação brasileira, ou para uma minoria totalitária e anti-cristã??? Passar o conteúdo do PL 122? Este conteúdo está condenado, dona Marta!)

Segundo a senadora, a mudança do nome ajudaria a tirar a "imagem demonizada" que foi associada ao projeto. "O nome ficou muito complicado de se aprovar, o que, no conteúdo, não é mais complicado. Temos um conteúdo mais ou menos acordado. O que está difícil de acordar é o que fazemos com esse número, porque demonizaram tanto que eles não sabem o que fazer agora para dizer que o demônio não é mais demônio", declarou Marta Suplicy, referindo-se aos opositores do projeto. No conteúdo, a senadora explicou que a principal mudança prevista será no texto do Artigo 20 do PL. "Antes era bem complexo. Conseguimos um meio termo", disse. (Imagem "demonizada", senadora? Mas o PL é uma lei demoníaca, ponto! Por mais que você ignore isso, por razões óbvias, o texto é inimigo dos cidadãos brasileiros. Ninguém demonizou o texto do PL. Ele por si só é de carater exclusivista, cria "cidadãos especiais" acima do restante da sociedade, assumindo contornos nazi-fascistas. Tanto o nome como o seu número, se mudados, não mudam o fato de que o PL é pernicioso, e continua sendo, se vossa excelência continuar querendo dar aos cristãos brasileiros "colher-de-chá. Ninguém deseja o seu "favor". O demônio continua demônio sim!)

A senadora também comentou a demora na tramitação da matéria no Congresso nacional. "Se formos pensar, foram 16 anos para se ter no País uma possibilidade real de cidadania para a comunidade LGBT referindo-se à aprovação no Supremo Tribunal Federal do casamento entre pessoas do mesmo sexo. E não foi o Congresso Nacional que aprovou. O Congresso Nacional, nesses 16 anos, se apequenou, se acovardou e não fez nada em relação à comunidade LGBT", declarou a senadora. (Para com isso, senadora! O Congresso não aprovou, até hoje, não foi por covardia não. Foi por princípios! A sociedade que a senhora deseja, se levarmos em conta a sua persectiva sobre o sexo e suas vergonhosas declarações para a impresa, não é, ainda, nem uma sombra. O STF, ovacionado por vossa excelência, pela militância gayzista, e pelo milhões de descerebrados que adoram aplaudir qualquer novidade, rasgou a constituição do nosso país, e assumiu atribuições que não são suas. Não cabe ao STF legislar.)

Para que o projeto seja aprovado, ela acredita que a luta não deve se concentrar na tentativa de convencer a bancada religiosa a mudar suas convicções, mas em atrair uma parte do Congresso Nacional que ainda não se manifestou sobre o PL 122. "É essa parcela do Congresso Nacional que tem que ser conquistada". A aprovação do projeto de lei é o principal tema da 15ª Parada do Orgulho LGBT que ocorreu hoje na avenida Paulista, em São Paulo. (Com todo o nosso trabalho em denunciar e desmascarar essa agenda gay, dona Marta, acho difícil um senador estar ainda ignorante quanto ao assunto, e acho mais difícil ainda que eles sejam conquistados por um PL destes, se vocês não mudarem o texto de forma a respeitar os direitos civís da constituição brasileira.)
Dona Marta,
A parada é a seguinte... Se a senhora pensa que pode enganar todo mundo, mudando o nome do PL e o seu número, está totalmente enganada. Nós vamos descobrir "facim, facim" o novo nome e o novo número do PL, e denunciá-lo para todo o Brasil, como temos feito com este PLC 122. Também vamos denunciar qualquer tentativa de levá-lo para aprovação no senado, com corum mínimo, no apagar das luzes, ou em vésperas de feriados e recessos parlamentares, como tentou fazer, na surdina, a sua colega derrotada na última eleição, Fátima Cleide. Estamos de olho na senhora, dona Marta. E digo mais: A senhora está devendo a audiência pública com os opositores do PL, que a senhora prometeu (promessa de político não se leva a sério).
Assinado:
Mais um cidadão de olho no Congresso.
Ps. Para quem quizer conhecer o PLC 122, consultem no próprio site oficial do PL: http://www.plc122.com.br:
Versões do PLC122:
Versão antiga - Foi esta que chegou originalmente ao Senado;
Versão atual – Apresentada por Fátima Cleide. Esta é a versão que atualmente tem prioridade nas votações;
Versão de Marta Suplicy – Não foi votada, portando não está valendo.

Um comentário:

  1. Demetrius,fiquei assustada hoje quando vi as comemorações no Twitter pelo fim da PL122.
    Precisamos alertar o povo para continuar orando e vigiando,sei que isso não acabou,só estão tentando manipular o povo e os deputados.NÃO PODEMOS BAIXAR A GUARDA,estou divulgando essa matéria.
    Deus te abençoe

    ResponderExcluir

OBRIGADO PELO SEU COMENTÁRIO!

CHAMADA

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...