quinta-feira, 29 de setembro de 2011

AJUDE A SOCORRER O PASTOR YOUSEF

Pastor Yousef Nadarkhani deve ser condenado a execução por pregar cristianismo


O pastor Yousef Nadarkhani, 34 anos, já condenado por abandonar o Islã, está aguardando o resultado  investigação a cerca da crença religiosa ligada ao cristianismo, o qual pode levá-lo a execução ou ainda forçá-lo a converter-se ao Islamismo. A investigação judicial consiste em checar se o pastor antes de converter-se ao cristianismo em seus 19 anos era mulçumano.

Nadarkhani foi condenado em 22 de setembro do ano passado. O líder de um movimento de igrejas a domicílios em Rasht – Irã, foi condenado ao enforcamento, por ter se convertido ao cristianismo e por propagá-lo aos demais mulçumanos. No entanto, na época o advogado do pastor, alegou que ele nunca teria praticado o islamismo até se tornar cristão. Em dezembro de 2006, ele já havia tido seus desentendimentos com as autoridades do Ira, foi preso também pelo motivo de renegação a religião.

Em 22 de setembro de 2010, um tribunal regional condenou Nadarkhani, que lidera um movimento de igrejas domésticas em Rasht, à morte por enforcamento, por se converter ao cristianismo e encorajar muçulmanos a se converter ao cristianismo. O advogado do pastor recorreu da sentença, afirmando que o pastor nunca foi muçulmano.

A pena de morte foi mantida pelo tribunal de justiça, no entanto, foi ordenado que houvesse uma investigação cerca do histórico religioso de Nadarkhani e ainda que seja liberado da acusação apostasia (renegação a religião), segundo fontes e bem provável que cumpra uma pena rigorosa pela evangelização.

Segundo pessoas próximas ao caso de Nadarkhani disseram que somente familiares e seus advogados podem visitá-lo e que autoridades dentro da prisão onde o pastor está preso, o pressionam para que se converta ao islamismo, ameaçando ate mesmo seqüestrar sua família.

E desconhecida a forma como prosseguirão com as investigações, pois seus pais, que seriam a maior fonte de informação já são falecidos.

Fonte: Gospel+
---------------------
Nota: Vamos ajudar o Pr. Yousef?
Acesse este link e siga as instruções. É um abaixo-assinado para o Embaixador do Irã no Brasil, para que ele interceda pelo nosso irmão. Acesse: http://www.familiadapaz.com.br/?pag=conteudo&id=1501

quarta-feira, 28 de setembro de 2011

NA ARÁBIA SAUDITA É ASSIM: "SE FOR MULHER, NÃO DIRIJA!"

Algumas mulheres burlam a Lei disfarçando-se de homens.
Do Portal G1

27/09/2011 14h57 - Atualizado em 27/09/2011 14h59
Mulher é condenada a chibatadas por dirigir na Arábia Saudita, diz Anistia

Duas outras mulheres estariam enfrentando processos semelhantes.
Na prática, mulheres são proibidas de dirigir veículos no reino.

Um tribunal da Arábia Saudita sentenciou uma mulher local a dez chibatadas por desafiar a proibição de mulheres ao volante no reino, informou nesta terça-feira (27) a Anistia Internacional.

segunda-feira, 26 de setembro de 2011

REPRIMIR DESEJO SEXUAL FAZ MAL?

Por Augustus Nicodemus Lopes

Sempre recebo comentários de alguns leitores de que a abstinência sexual defendida por mim e outros escritores e pastores provoca nos jovens evangélicos traumas e neuroses. Ou seja, passar a adolescência e a mocidade sem ter relações sexuais faz com que os evangélicos fiquem traumatizados, perturbados mental e espiritualmente, reprimidos e recalcados.

Esse raciocínio tem sua origem mais recente nas idéias do famoso Sigmund Freud. Para ele, o sexo era o fator dominante na etiologia das neuroses e o desejo sexual era a motivação quase que exclusiva para o comportamento das pessoas. No início, Freud falava que o ser humano, até biologicamente (todos os seres vivos, no final), viveria sua existência na tensão entre dois princípios, ou instintos, primordiais: o princípio do prazer (instintivo e ligado ao id, às vezes relacionado como a libido) e o princípio da realidade (a limitação do prazer para tornar a vida possível, princípio ligado mais ao amadurecimento e, às vezes, ao superego). Mais tarde (na publicação de Além do Princípio do Prazer, 1920), ele passou a falar em outros dois princípios mais amplos, o princípio de vida e o princípio de morte, os quais ele denominou eros e tanatos, como os dois princípios que geram a tensão que move o ego. De qualquer modo, tanto o princípio do prazer quanto eros (princípio de vida) eram, para Freud, princípios instintivos, ligados à preservação da vida e da espécie, e sempre conectados ao apetite sexual (ver Os Instintos e Suas Vicissitudes, 1915).

STAR WARS THE OLD REPUBLIC GANHA DATA OFICIAL DE LANÇAMENTO!

A Bioware anunciou finalmente uma data de lançamento para Star Wars: The Old Republic. O gigantesco MMO será lançado mesmo no final deste ano, 20 de dezembro.

Além da data, foram revelados os preços das assinaturas. Um mês ficará por $14.99 (£8.99/€12.99), três meses por $13.99 por mês ($41.97/£25.17/€35.97) e seis meses por $12.99 por mês ($77.94/£46.14/€65.94). 

Para você que é frequentador assíduo do Universo Star Wars, já possuímos duas facções criadas para os gamers de SWTOR no Brasil. Assim, podemos nos congregar e unirmos nossas forças e com isso marcar presença em peso com a "Força" brasileira no game.



Star Wars The Old Republic ganha data oficial de lançamento! Extraído do site www.universostarwars.com.br, em 25/09/2011.

quarta-feira, 21 de setembro de 2011

CONSTITUIÇÃO "GAY" BRASILEIRA..??? AGORA DANOU-SE!


POR JULIO SEVERO
TÍTULO ORIGINAL: Constituição anti-“homofobia” para o Brasil: um sonho de Marta Suplicy e OAB
A senadora Marta Suplicy (PT-SP) elogiou a Proposta de Emenda Constitucional (PEC), elaborada pela Comissão Especial de Diversidade Sexual da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), que quer ampliar privilégios a indivíduos viciados em práticas homossexuais.
O texto tem a pretensão de introduzir na Constituição todas as decisões do Supremo Tribunal Federal (STF) que favoreceram a agenda gay, inclusive a garantia de união estável para duplas homossexuais, com direito à conversão em casamento e adoção de crianças.

De acordo com a agência de notícias do Senado, “a PEC tem como um de seus principais ponto a criminalização da homofobia e estabelece a pena de dois a cindo anos de reclusão para aqueles que praticarem atos de discriminação e preconceito em virtude da orientação sexual de alguém. A mesma punição se estende aos que incitarem o ódio ou pregarem [contra a] orientação sexual ou identidade de gênero”.

quarta-feira, 14 de setembro de 2011

HIPPIES, PORCOS E A IGREJA INSTITUCIONAL

Por Maurício Zágari
 
O escritor George Orwell é muito conhecido por seu livro 1984. Nele, apresenta a famosa figura do Big Brother: a personificação de um Estado totalitário que, graças a um recurso tecnológico, consegue investigar a vida privada de cada cidadão. Mas o melhor e mais fascinante livro de Orwell não é esse: chama-se A revolução dos bichos. É um texto extremamente interessante e que nos nossos dias tornou-se altamente aplicável a uma parcela da Igreja de Nosso Senhor Jesus Cristo, como abordarei mais à frente.

DORMINDO COM O "INIMIGO"

Pelo Pr. Carlos Moreira

Há alguns meses tenho escrito aqui no Genizah. O convite foi feito pelo meu amigo, bispo Hermes Fernandes, mas foi o Danilo quem deu o aval final. Neste curto período, como sou um escritor eclético, falei de quase tudo: doutrina, filosofia, apologética, escatologia, eclesiologia, e coisas mais... Com um jeito muito particular, deixei escorrer de dentro de mim farelos de palavras, coisas que vivo e que vejo, pois no fundo sou um cronista existencial, um observador do cotidiano, andarilho da vida.

CHAMADA

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...