quarta-feira, 28 de dezembro de 2011

MALES DOS ÚLTIMOS DIAS DE 2011

Por Demetrius Farias

Infelizmente, a não ser pela majestosa e soberana pessoa de Jesus Cristo, em um mundo onde se festeja o consumismo, papai noel (em minúsculo mesmo), ano novo e muita feitiçaria disfarçada, eu não tenho muito o que comemorar. Neste final de ano, parece que as sombras de fortes ameaças ao cristianismo brasileiro a aos valores cristãos da nossa sociedade, pairam e assombram os nossos olhos para o ano de 2012.

Além da hilária expectativa velada de muitos sobre o fim do mundo em dezembro deste próximo ano, expectativa muito mais real e segura de uma existência destrutiva, podemos encontrar no rescaldo que ficará deste ano e que assinala a continuidade de uma guerra cultural e de valores, que cada vez mais se agrava no país.

Para começar esta retrospectiva de dezembro:

1. Em parceria com a ONU, o Governo Federal e a Rede Globo de Televisão (isso é "fantástico"!!!), produziram e lançaram uma propaganda anti-homofobia, incentivando denúncias pelo Disque 100 (Disque Direitos Humanos), que havia sido lançado pela Secretaria Especial de Direitos Humanos (SEDH) da Presidência da República, na pessoa da famigerada Sr. Secretária Maria do Rosário. Atores da novela “Insensato Coração”, que interpretavam uma dupla homossexual, deixam claro: “Discriminar homossexual é crime”. Eu me pergunto em um momento como este: "Em que lei???" O termo "discriminação", é fortemente empregado por ativistas LGBT para rotular toda atitude e opinião filosófica e religiosa contrária à sua.
Assista o vídeo:



Este vídeo será veiculado por 15 dias. Esta é mais uma tentativa desesperada de reverter a crescente adesão da sociedade aos constantes protestos dos cristão brasileiros contra a imposição de leis que oprimem aqueles que são contrários ao estilo de vida pregado pelos LGBTs.

2. Após o "papelão" feito pela Frente Parlamentar Evangélica, que "negociou" com o governo e aprovou a danosa e maléfica "LEI DA PALMADA" (queira ler aqui e aqui), no último dia 15 de dezembro, o Dep. Jair Bolsonaro (PP-RJ), que mais atrapalha do que ajuda a causa cristã com suas declarações desastrosas, mais uma vez tomou a iniciativa (que deveria ter sido da FPE) e agiu em favor da família e dos Direitos dos Pais. Ele conseguiu, no dia 19 de dezembro, as 51 assinaturas necessárias para que o projeto de lei seja levado para votação no plenário da Câmara. O texto tinha sido aprovado em comissão especial e seria enviado direto para o Senado, mas com o recurso de Bolsonaro, o projeto agora terá de ser aprovado pela maioria dos 513 deputados federais. Com isso, ainda temos tempo de reverter a situação, nas a ameaça ainda existe e pode nos levar a uma situação desastrosa, caso os crentes não se mobilizem como fazem com relação ao PL 122. Agora é chegada a hora de agir e fazer contato com os deputados exigindo um “NÃO” ao projeto de Lei da Palmada, que é de interesse apenas do governo, e traz prejuízos aos direitos dos pais e a relação entre pais e filhos. Devemos combater a ingerência do Estado Socialista Brasileiro dentro da Família.
Vamos, apoiar este brilhante esforço de Jair Bolsonaro.

3. Como se não bastasse tudo isso, mais uma vez o Dep. Jean Wyllys (PSOL-RJ), transpirando nazi-comunismo em suas declarações e projetos de retaliação contra os evangélicos, fez uma terrível declaração para a Folha de S. Paulo e para o UOL: padres e pastores devem ser punidos ao oferecerem em seus programas de TV e rádio, "cura", libertação e recuperação do homossexualismo. Para ele, tal oferta é um crime, sendo que estas geram sofrimento psicológico para os homossexuais e suas famílias. Segundo o deputado, meios públicos como TV, rádio e internet criam problemas para a comunidade GLBT, pois o discurso de "pecado" os demoniza e desumaniza. Jean Wyllys é a favor de que o PLC 122 puna severamente discursos religiosos que possam ser interpretados como "injúria". Ele fez severas críticas à senadora Marta Suplicy e ao seu substituto do PLC 122/2006, dizendo que o projeto havia sido tornado inócuo, se não proibisse toda forma de expressão religiosa sobre a homossexualidade. Infelizmente temos que amargar o mandato deste homem até que ele acabe, tendo que esperar toda forma de retaliação que ele possa elaborar.

O fato é que neste 2012 que se aproxima, muitas sombras negras de 2010 e 2011 ainda irão nos acompanhar, e eu não vejo no horizonte, nenhuma réstia de luz que indique que a tempestade vá se dissipar em breve. Creio, contudo, que a vitória virá, mas tenho quase certeza de que a batalha ainda está apenas no começo. Cada cristão, nestes tempos difíceis, deve admitir e assumir para si a contra-cultura, negando tudo que está sendo empurrado para dentro de nossos lares como se fossem verdades, quando na verdade tudo isso não passa de lixo moral e liberalismo inconsequente.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

OBRIGADO PELO SEU COMENTÁRIO!

CHAMADA

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...